SINDEFER

Sindicato Nacional Democrático da Ferrovia

Acordos EmpresaBreve HistorialEstatutosHistóricoContactos

 

 
O objectivo final era claramente a CP

A estratégia de tornar inoperacional a EMEF, por falta de mão de obra, visava mais longe, tornar a CP também ela inoperacional, precisamente na altura da liberalização do caminho de ferro.

Convenhamos que a estratégia foi bem montada, por Sérgio Monteiro e seus comparsas no CA da CP, a quem o governo do PS deu 18 meses suplementares e depois transferiu o mandato para um membro da comissão politica da ex-PAF (Para Frente Portugal de Passos Coelho, Paulo Portas e Cavaco).

Agora conhecedora de tudo isto o CDS de Cristas aparece a defender a privatização de algumas ligações comerciais de passageiros.

O presidente da CP e agora da EMEF para que não restassem dúvidas do sem "empenhamento" na EMEF, marcou para dois meses depois a primeira reunião de Directores da empresa!!!
Voltar atrás