SINDEFER

Sindicato Nacional Democrático da Ferrovia

Acordos EmpresaBreve HistorialEstatutosHistóricoContactos

 

 
Maledicência e profunda ignorância
Os Indignados das Redes Sociais, e não só, falam muito do que não sabem e sai normalmente asneira!

Vai por aí um foguetório de indignados, porque a CP vai aumentar de 3 para 5 os administradores.
Uma das medidas mais demagógicas do anterior governo foi exactamente o diminuir aparente do número de administradores.
Diminuíram administradores mas criaram outros cargos com remunerações semelhantes.

Por exemplo, a EMEF, passou a ter Director Geral e dois Directores Coordenadores, exactamente o mesmo número de lugares que tinha a administração, e continuou a ter administração, só que dois administradores todos da CP.
Foi exactamente, neste período, que a EMEF, começou a entrar no seu declínio.

Os indignados falam no aumento da despesa, desconhecendo que os três administradores que entram para terminar o mandato actual são Quadros das Empresas, logo o aumento é mínimo e há um administrador que sai, também Quadro da Empresa.

O reforço da administração tem também a ver com a reabertura do complexo de Guifões que obviamente terá responsável próprio. O prazo para colocar aquilo a funcionar é quase impossível e não se compadece com amadorismos.

Por outro lado, basta diminuir, como se prevê, os Directores Gerais e ou Coordenadores para não haver aumentos mínimos de custos, como também a integração da EMEF na CP (sobre a qual tenho dúvidas) irá acabar com um numero significativo de lugares em duplicado nas duas empresas e na própria estrutura da CP.

As redes sociais são algo positivo mas encerram muita maledicência e profunda ignorância.

Francisco Fortunato

Nota Pessoal
Nada do que aqui escrevo encerra qualquer avaliação sobre os Quadros indigitados.
Voltar atrás